Reforma estrutural do imóvel precisa de cuidados

A reforma ou troca de paredes e colunas sem saber a condição da propriedade pode causar acidentes graves

reforma

Foto: Prefeitura do Guarujá

Ampliar ambientes e adaptar espaços são alterações comuns em casas e apartamentos. No entanto, qualquer reforma nas estruturas de um imóvel merece planejamento e atenção redobrada. A troca de paredes e colunas sem o prévio reconhecimento da documentação e da atual condição da propriedade pode causar graves acidentes e até desabamentos.

Segundo o engenheiro Fernando Medaglia, da imobiliária Auxiliadora Predial, com o check-up preventivo nas estruturas da propriedade, é possível identificar riscos, apontar reparos necessários e evitar a ocorrência de acidentes. “É importante que os síndicos tenham um cadastro de alterações estruturais e que qualquer nova modificação seja submetida à apreciação de um técnico”, garante.

A vistoria é indicada em casos de suspeitas de danos nas estruturas das edificações e em revisões preventivas indicadas a cada três ou cinco anos. Ela pode ser encaminhada a um profissional de confiança da administradora de imóveis e, quando executada conforme os critérios técnicos e acompanhada da Anotação de Responsabilidade Técnica do Crea (ART), é a maneira mais eficaz de minimizar riscos.

A escolha do profissional que realizará o projeto para a execução da reforma é outro aspecto importante à segurança da propriedade. Para Medaglia, o serviço deve, necessariamente, ser feito por engenheiros ou arquitetos com experiência em reparos de estruturas de concreto armado. “Manutenções que envolvam sinais evidentes de corrosão, deformação ou abertura de fissuras precisam ser feitos por profissionais capacitados e nunca por um pedreiro ou mestre de obras”, orienta o especialista.

Imovelweb
COLUNISTA
PERFIL

Comente

Mais Matérias

Colunistas

Encontre aqui o imóvel
dos seus sonhos