Dicas de decoração para quem tem animais em casa

Dicas de decoração para quem tem animais em casa

Se você acha que conviver com os pets deixa a vida mais leve, mas nem sempre faz bem à decoração da casa, é porque ainda não conhece as nossas dicas decoração para quem mora com pets

Não abre mão da convivência com seu amigão de quatro patas? Faz muito bem, eles são verdadeiros anjinhos que nos protegem sem pedir nada em troca. E, por isso mesmo, também merecem todo conforto que pudermos oferecer.

Mas quem tem sabe que nem sempre é fácil. São sofás cavucados, mesas e cadeiras roídas, cortinas usadas para afiar unhas – sem falar nas necessidades que muitas vezes acabam sendo feitas pela casa.

Será que é possível contornar esses inconvenientes? Muitas vezes eles acontecem por conta do estresse por ficar sozinho ou simples necessidades que podemos suprir. Para ajudar amigos de todas as espécies reunimos algumas das melhores dicas decoração para quem tem pets.

Veja como deixar sua casa sempre linda e seus protetores ainda mais felizes, com todo conforto. Assim todo mundo ganha e vive mais feliz.

Encontre seu imóvel que aceite animais

24_05_pet1

Dica decoração para o piso

Pets e tapetes não combinam, ainda mais os mais peludos – de ambos. Então a dica de decoração é apostar em um piso que seja fácil de limpar, confortável de andar e deitar (para o amigão, claro) e bonito.

Evite os muito porosos, como mármores, granitos e madeira, que podem manchar se o xixi for feito no lugar errado. Duas opções muito bacanas e que fazem o maior sucesso são o cimento queimado – que você pode decorar com ladrilhos hidráulicos, restos de cerâmica, pedras ou madeira – e a própria cerâmica.

Só evite que fiquem muito lisos para ninguém escorregar. Para os cães, principalmente, pisos muito lisos podem causar problemas nas articulações. Invista nos pisos claros, que mostram menos a sujeira.

Se fizer muita questão de usar tapetes, a dica decoração é usar os de fio bem curtinho, de sisal ou fibra sintética. São mais fáceis de limpar e acumulam menos pelo.

24_05_pet2

Pets e móveis devem ser compatíveis

Sim, você não leu errado: a dica de decoração aqui é criar uma compatibilidade entre seus móveis e seu cão ou gato, por exemplo. Pense bem, um cão de estatura média, como um labrador, golden retriever ou pitbull pode derrubar todos os seus objetos queridos de cima da mesa de centros com um simples abanar de rabo.

Eles não fazem por mal, claro, mas precisam de espaço, então procure adequar tamanhos e alturas para não haver problema. Evite objetos pontiagudos e plantas venenosas. Invista em prateleiras e armários aéreos, onde eles não podem chegar – e deixe apenas coisas inquebráveis ao alcance.

24_05_pet3

Use tinta acrílica nas paredes

A tinta acrílica costuma ser mais usada para as áreas externas, como a fachada, mas para quem tem animais de estimação ela é a melhor opção. O motivo é simples: o acabamento acetinado é mais fácil de limpar as inevitáveis patinhas que sempre acabam aparecendo.

Ela pode ser um pouco mais cara que a tinta látex – cerca de 30% – mas compensa por ter maior durabilidade e impermeabilidade. Aqui, a dica é evitar as de brilho, prefira as foscas ou acetinadas, que ficam mais bonitas no interior.

Use e abuse das mantas

Principalmente nos apartamentos, não tem jeito: o amigão acaba subindo no sofá mesmo. É possível encontrar no mercado produtos que impermeabiliza o estofamento, mas mesmo com eles a dica de decoração é usar e abusar das mantas.

Além de ficarem muito bonitas – pense em todas as combinações de cores que você pode fazer – elas são práticas. Basta jogá-las na máquina de lavar e pronto, estão novas, de novo.
Tenha sempre algumas de reserva para ocasiões especiais ou aquela visita que chega de surpresa. A dica de decoração vale para as camas também.

Presenteie-o com sua própria decoração

Tem um pouquinho mais de espaço em casa? Então a dica decoração é fazer com que ele tenha suas próprias coisas. Há sofazinhos lindos para cachorros pequenos, camas bem macias e gostosas para os grandões, playgrounds de todos os tamanhos para gatos e brinquedinhos de todos os tipos para todos os pets.

A ideia, aqui, é fazê-lo sentir-se mais confortável em seu próprio cantinho, evitando que suba em sofás e poltronas ou que afiem suas garrinhas pelos móveis. Bem escolhidos, esses objetos não só distraem o bichinho, como podem ser incorporados à própria decoração casa.

24_05_pet4

24_05_pet5

24_05_pet6

Para quem tem espaço, outra coisa interessante é criar uma área para seu pet. De acordo com os especialistas, muitos cães e gatos fazem estragos por puro estresse. A dica decoração é então criar um lugarzinho charmoso para ele, com tudo o que ele gosta, com caminha e brinquedos. Assim é mais fácil ele não ficar na cama ou no sofá.

Solte a criatividade

Se você tem gatos a dica de decoração é soltar toda a sua criatividade em verdadeiras esculturas-brinquedo. Isso mesmo, crie formas para os bichanos brincarem que também sirvam de decoração. Uma ideia é a árvore de madeira, cujos galhos são feitos de pequenas prateleiras. Presa à parede da sala de estar, a “estante” é extremamente bonita e funcional, sendo também um verdadeiro parque de diversões felino.

Pallets de madeira com rodinhas e futon podem se transformar em excelentes caminhas. Você pode fazer da altura e do tamanho que quiser e ainda pintar os pallets para deixar mais de acordo com a sua decoração.

Evite arranhões nas portas cobrindo-as com chapas de acrílico transparente da base até a maçaneta. Se quiser dar um toque mais ousado escolha uma chapa de cor contrastante, como vermelho, azul ou amarelo.

Se eles são teimosos e não abrem mão do conforto em poltronas e sofás, faça capas com tecidos que acumulam menos pelos e facilitam a limpeza. Opte por sarja, vinil, brim, lona ou chenile, por exemplo.

Faça uma caminha esperta para ele dormir no quarto com você. A dica de decoração é aproveitar a parte debaixo de mesas de apoio ou baús para criar cantinhos aconchegantes para os pets pequenos. Já existem camas e mesas no mercado que trazem nichos especiais para cães e gatos, algumas inclusive com tratamento acústico, o que contribui para que não se assustem com fogos e trovoadas, por exemplo.

Escolha comedouros estilosos – ou invente um. Você pode adaptar um skate antigo para encaixar tigelas de água e ração, por exemplo. Um tronco velho de árvores também serve.

Seja sustentável. Pinte um pneu velho e coloque um travesseiro ou cobertor usados dentro. Simples para você, bonito para a sua casa, confortável pro seu amigão e bom para o meio ambiente.

Buscou a inspiração que precisava? Viu como você pode ter uma casa linda e confortável para você e seu amigo de quatro patas com simples dicas de decoração?

Imovelweb
COLUNISTA
PERFIL

Mais Matérias

Comente