Como planejar e concluir uma reforma em casa

Como planejar e concluir uma reforma em casa

Nem sempre o imóvel dos sonhos vem do jeito que a gente quer, mas pode ficar ainda melhor com uma pequena obra

Reformar a casa nunca é uma tarefa fácil, demanda planejamento e muita paciência, mas no final sempre vale a pena. Até porque, no fundo, todo mundo que adquire um imóvel pensa logo em deixá-lo com a sua cara, seja em relação à tonalidade das paredes, criando ou integrando cômodos, modificando telhado ou trocando acabamentos, por exemplo.

No entanto, quanto mais você priorizar alguns aspectos, mais fácil será o processo e mais rapidamente terminará a obra em casa. Por isso, resolvemos mostrar que obra em casa pode não ser um bicho de sete cabeças. Veja agora como planejar e concluir a reforma da casa sem sofrimento.

05_04_reforma

Planejar a reforma é essencial para salvar sua obra e seu bolso

Muita gente acha que basta decidir o que quer mudar, comprar o material, contratar funcionários e tocar a obra procurando ficar dentro de um orçamento. No entanto, para que não aconteçam surpresas desagradáveis pelo caminho, o certo, segundo os arquitetos, é ter todos os itens especificados em modelo, quantidade e paginação.

A ideia, segundo os especialistas, é tornar a tomada de preços mais eficiente e economizar na hora da contratar. Essa relação deve ser a primeira coisa a fazer antes de qualquer outra coisa, para que você possa ter ideia da dimensão da obra que irá fazer.

Esse processo é trabalhoso? Bastante, mas também é bem econômico – tanto na escolha dos melhores preços na hora da compra quanto evitando que a obra fique parada enquanto algumas decisões ainda estão sendo tomadas. Lembre-se que obra parada também gera custos, inclusive os embutidos no desgaste dos materiais.

Fazer essa planilha também pode ajudar a filtrar alguns itens, substituir especificações e negociar valores. Planejar a reforma torna a obra em casa mais econômica e segura.

Profissionais devem ser procurados com antecedência

Quando o assunto é reformar a casa, tudo deve ser feito com antecedência. Por exemplo, se você sonha com aquela piscina no verão, ela deve começar a ser planejada em junho, mas se a ideia é fazer um jardim de inverno ou um gazebo com lareira, eles devem começar a ser elaborados em pleno verão.

Da mesma forma, os profissionais devem ser procurados com antecedência ainda maior. Isso para que você possa buscar referências, ver portfolios, levantar os melhores honorários, conhecer a equipe etc. E lembre-se de contratar apenas profissionais realmente capacitados. Deixe os curiosos longe da sua obra em casa.

Reforme sua casa para vender mais rápido. Conheça os planos do Imovelweb e anuncie aqui!

Tomada de preços dos materiais deve começar antes de reformar a casa

Sabe aquela história de fazer a tomada de preços do banheiro enquanto a obra está na sala? Esqueça. Você deve precificar tudo antes da reforma começar para poder fechar um orçamento.

E, de acordo com os especialistas, curiosamente o custo da mão-de-obra em média costuma ser equivalente ao gasto com o acabamento.

Faça um cronograma e procure compatibilizar os serviços

Administrar a obra em casa não é só fazer um levantamento de preços e contratar profissionais, mas também montar e procurar manter um cronograma. Para isso, faça uma reunião com todos os prestadores de serviço e questione os prazos de cada etapa, inclusive levando em consideração imprevistos.

Preste atenção também na logística da obra, por mais que ela pareça simples a princípio. Ela deve começar pela demolição, depois pelas alterações elétricas, projeto de iluminação, forro de gesso, assentamento do piso e marmoraria, instalação das luminárias, primeira demão de pintura, marcenaria, finalização dos acabamentos e encerrar pelo retoque de pintura e/ou instalação de papel de parede e adesivos.

Exclua do seu cronograma para reformar casa

Por mais simples que seja a obra, evite começá-la no final do ano. Ainda que muita gente goste de usar o décimo-terceiro para comprar material de construção, a época é de festas e nem sempre os preços são os melhores.

Além disso, muitas lojas praticamente param de atender ou de receber novidades e lançamentos já em meados de dezembro.

Outra questão é que o verão e a primavera são época de chuva, então todos os acabamentos, massas e cimentos demorarão mas a secar ou poderão ser perdidos se ficarem expostos. Obras na parte externa, então, nem pensar nessa época do ano.

Evite colocar vários fornecedores trabalhando juntos para reformar apartamento

Quando isso acontece a obra em casa acaba sendo prejudicada. Um acaba atrapalhando o trabalho do outro e fica mais difícil conseguir fazer um controle de qualidade adequado.

O ideal é especificar exatamente o que e quando cada prestador de trabalho irá fazer. Para isso, elabore uma lista de atribuições e peça que ele assine. Além de ficar tudo mais organizado, ele terá mais noção de suas responsabilidades.

Guarde essa lista assinada juntamente com todos os contratos, recibos, notas fiscais e até orçamentos. Eles podem ser a garantia de que você não terá dor de cabeça mais adiante.

Limpeza também faz parte da reforma em casa

Reformar apartamento ou casa sempre gera uma quantidade imensa de lixo dos mais variados tipos. São restos de reboco, de louças e pisos, madeira, ferro e pedaços de embalagens, isso sem falar no entulho e na poeira. A retirada diária desses itens também deve estar especificada em contrato. Ao final de cada dia a obra deve estar o mais limpa possível.

Por outro lado, quando a reforma em casa acabar definitivamente, pequenos detalhes de limpeza também devem ser observados. Faça constar do contrato inicial a remoção de pingos de tinta, adesivos de cubas e louças, massa corrida, excessos de rejunte e até limpeza e aspiração de trilhos de portas e janelas, dos quadros de luz e dos vidros.

Lembre-se que essa limpeza é bem diferente de uma faxina normal de manutenção do apartamento e deve ser combinada logo no início da obra. Ao término, o empreiteiro deve entregar a casa pronta para você entrar e morar.

Imovelweb
CONTRIBUTOR
PROFILE

Mais Matérias

Comente