10 dicas para ter uma casa sustentável

Quer uma casa sustentável, mas ainda não sabe bem por onde começar? Confira nossas dicas e aprenda a adaptar a sua casa.

Sustentabilidade é um tema importante que nos últimos anos ganhou ainda mais espaço na vida das pessoas. Hoje em dia, é possível comprar imóveis que já são planejados e construídos com o objetivo de economizar propriedades naturais e reduzir os custos tornando tudo mais sustentável e econômico. Esse tipo de construção já é projetada, desde o início para respeitar o meio ambiente, através de iniciativas ecológicas.

Você deve estar pensando que há poucas alternativas se sua casa ou apartamento já está construído ou que o investimento necessário para adaptar todos os seus ambientes deve ser altíssimo, mas acredite, pequenas mudanças no nosso comportamento diário já fazem a diferença a longo prazo. Se mudarmos e passarmos as ideias adiante, muitas pessoas podem aderir e os resultados dessa mudança coletiva serão ainda maiores e mais valiosos para o meio ambiente. Você pode começar em casa, educando a si mesmo e sua família e melhorar maus hábitos que todos temos. Confira agora dicas de como ter uma casa sustentável sem grandes esforços:

1 – Se você mora em uma casa, com área externa descoberta, pode utilizar tonéis ou barris de plástico para armazenar água da chuva. Essa mesma água poderá ser utilizada para limpar o quintal ou calçada e evitar o uso da mangueira. Se você tem algum animal de estimação que vive e faz suas necessidades no lado de fora da casa, esses litros que você poupou serão aliados na limpeza sem custo adicional. Essa mesma água pode servir também para a lavagem do seu carro, rega das plantas ou uso da descarga.
2 – Um dos itens que causam maior desperdício de água é a descarga. Optar por um vaso com acionamento duplo ajuda a poupar recursos, pois resíduos líquidos não precisam de uma descarga completa. A troca do vaso sanitário pode significar uma economia de até 36 litros de água POR DIA em uma casa com até 3 pessoas.

economia_agua
3 – Outro bem que deve ser poupado e que ainda por cima vai te ajudar a economizar um dinheiro todo mês é a energia! Janelas grandes ajudam na entrada de luz natural na sua casa durante boa parte do dia. O uso deste método evita que você acenda as luzes durante a manhã.

4 – Quando a luz natural vai embora é difícil deixar tudo apagado, então busque utilizar lâmpadas fluorescentes ou de LED. Elas tem maior durabilidade e economia do que as incandescentes.

lampadas

5 – Alguns eletrodomésticos são vendidos com o selo A do Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica). Isso significa maior economia de energia, então opte por comprar aparelhos com este selo. Outra prática que ajuda a poupar energia é o uso de ventiladores ao invés do ar-condicionado, que é um dos aparelhos com maior consumo de energia durante o verão.

6 – O uso de madeira natural demanda o desmate de áreas fundamentais para a sobrevivência humana. Se você quer revestir o seu piso com acabamento de madeira, há milhares de opções que imitam esse tipo de matéria sem agredir o meio ambiente. Além de custos menores, você ajuda a preservar nossos bens.

janelas_amplas
7 – A implantação de um sistema térmico ajuda a diminuir o uso do ar-condicionado nos dias mais quentes do verão. É possível implementar o telhado verde, que é um material vegetal bastante similar a um jardim suspenso. Além de absorver 90% mais o calor do que os telhados comuns, evitando que o ambiente interno fique quente, o uso de plantas nas coberturas ajuda também a produzir oxigênio e absorver a água das chuvas, tornando melhor a qualidade do ar e ajudando a evitar possíveis enchentes na região.

8 – Sistemas de aquecimento solar são também alternativas sustentáveis de economizar água e energia elétrica. Esses sistemas funcionam através de coletores solares e um reservatório térmico. O reservatório tem o seu interior revestido de cobre e armazena a água que deverá ser aquecida com o calor do sol. Os coletores solares ajudam a tornar a água quente e o reservatório térmico a preservá-la na temperatura até que seja consumida.

9 – A energia fotovoltaica pode ser captada através de painéis microgeradores, geralmente instalados nos telhados dos imóveis. O sistema fotovoltaico é responsável por abastecer o local com eletricidade captada da energia solar e o que ele produz excedente, é enviado para a empresa que fornece energia para a região. Esse excedente é convertido em créditos, que poderão ser utilizados a noite ou durante os dias nublados, com pouca produção de energia fotovoltaica.

casa_sustentável

10 – É possível utilizar alternativas menos agressivas ao meio ambiente nos materiais escolhidos para construção. O concreto verde, por exemplo, emite menos dióxido de carbono e é mais resistente que o comum.

Agora que você já sabe por onde começar, converse com profissionais sobre esses métodos e adicione à sua casa alternativas que possam te ajudar a preservar o meio ambiente e economizar dinheiro a longo prazo!

Imovelweb
CONTRIBUTOR
PROFILE

Mais Matérias

Comente